:)

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Dando uma olhadinha na corrida dos ratos...

Hoje vou contar a história da menina aportadora que anda cada vez mais contente com esse recente hábito de investir e não vê a hora de chegar logo aos primeiros 100k!
Centrada há meses, não fez uma compra de "supérfluo" que não tivesse uma justificativa válida (a calça para o novo emprego, UM tênis novo para substituir os 2 anteriores que estragaram). Mentira, ela comprou sim uma bRusinha, porque era linda demais e não resistiu e ficou perfeita e foi baratinha, e tinha estrelinhas, rs.

Mas falando sério. Antes de botar em prática que eu precisava parar de enfiar pequenas parcelas no cartão de crédito, meus gastos estavam focados especialmente em produtos de beleza. Shampoos, máscaras, leave-ins, ampolas mágicas, hidratantes... Hidratantes. A história de hoje é de como eu NÃO PRECISO comprar nenhum hidratante (de nenhum tipo: rosto, mão, pé, corpo) pelos próximos... 2 anos?
E mesmo sabendo disso o que eu fiz hoje?

Sim, senhoras e senhores, comprei um KIT com TRÊS PRODUTOS que eu não precisava. Nem estava querendo antes de ver. Sequer sabia da existência. Mas não resisti ao perfuminho.

Não sei se os homens sabem (ou entendem, rs), mas onde há um grupo grande de mulheres (no caso, meu emprego), sempre, SEMPRE, vai existir uma que vende um desses catálogos (Avon, Natura, Boticário, etc).
As vendedoras espertas (minha colega), não ficam apenas levando revistinhas, elas compram produtos e saem oferecendo pra todo mundo, sempre vai ter uma trouxa (eu) que vai acabar cedendo e comprando.

Mas esse post nem é pra me lamentar por um gasto de R$50, mas pra mostrar que as "armadilhas"dos "pequenos gastos" estão em todos os lugares e é necessário estar atenta o tempo todo. É muito fácil cair no chavão clássico do "eu mereço", ainda mais "um valor tão pequeno como esse" e "é só dessa vez, mês que vem não compro nada".

O que a gente merece, é pelo que dá valor. E se não dermos valor ao nosso rico dinheirinho AGORA, jamais conseguiremos usufruir dele no futuro, quando ele estiver vindo em nossa direção sem esforço algum, através da renda passiva e sem sequer precisar pensarmos nele.

Sei que "faça o que eu digo, não faça o que eu faço" não é ideal, mas também não é o fim do mundo se vez ou outra nos deixarmos levar e gastarmos em coisas desnecessárias. Só não pode ser uma constante.

Além do mais, foi maravilhoso dormir com o cheirinho do meu novo hidratante na pele, o namorado aprovou, rs.

P.S.: vou até deixar anotado aqui, quero só ver quanto tempo vai levar até eu sucumbir ao próximo hidratante. Se comprar algum produto do tipo de novo, relatarei aqui, rs.

10 comentários:

  1. Nem 8 nem 80... acho que precisa haver um equilíbrio... é mto importante poupar p/ investir, mas ficar noiado com isso não é nada saudável.. digo isso por experiencia própria... no inicio eu poupava cada centavo do meu salário... que na prática não fez nenhuma diferença no meu patrimônio... hoje se eu quero comprar alguma coisa eu vou lá e compro... não fico remoendo... mas como eu falei... precisa haver um equilibro.. não adianta sair por aí torrando o limite do cartão... um tênis, um jogo, uma roupa, um perfume, um passeio no fds, etc.. de vez em quanto não vai matar ngm... pelo contrário... vai te dar ânimo p/ continuar nessa caminhada... um abraço!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, acho exatamente isso.
      Porém tô aqui querendo muito um celular novo, mas sem coragem de gastar (mesmo tendo o $$).

      Excluir
  2. Imagina amiga eu que coleciono perfumes? sei o que vc ta sentindo..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ixi, aí fica difícil, hobbyzinho caro, rs.

      Excluir
  3. Ryca, agora você é consciente, acho que isso acabará fazendo total diferença. Eu mesmo, gasto muito com álcool, mas pertence a parte do lazer e tem uma determinada cota, que não pode ser ultrapassada. Sua consciência agora faz total diferença.

    Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você está dentro da cota, então está tudo certo, não podemos é perder o controle =)

      Excluir
  4. Oi! Estou aprendendo sobre investimentos. Acabei caindo nessa sucessão de blogs e… UAU!
    Você teria dicas para iniciantes como eu sobre aonde aprender (cursos, livros, blogs, sites..)?
    Fiz um curso da FGV básico pra investimentos e é tão interessante ver que existem pessoas progredindo com isso!
    Um sonho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca fiz nenhum curso sobre investimentos, apesar de ter curiosidade, eu comecei a ler sobre o assunto de curiosa.
      Conheci um instagram que falanva sobre independência financeira, ele indicou alguns blogs e passei a lê-los.

      Mas se você quiser um aprendizado linear, que te explique e te deixe confiante para entender ao menos sobre renda fixa, eu recomendo o Clube dos Poupadores. Li todos os posts e tudo que sei sobre tesouro direto aprendi lá.
      Depois passei a assistir vídeos no youtube e posso dizer que o Me Poupe! também é ótimo para descomplicar o que já é simples, mas fazem parecer tão difícil.

      Então as minhas sugestões são: Clube dos Poupadores, Me poupe! (youtube), André Bona (youtube) e, lógico, Gustavo Cerbasi, que agora tem atualizado bastante o canal dele.

      Excluir
    2. Rycaaaa!
      Muito muito obrigada pelas dicas! Muito obrigada por compartilhar!
      Adorei o seu modo de se expressar! Vc é muito divertida! E a menção a corrida dos ratos me lembrou muito de pai rico pai pobre! Gostei muito daquele livro!
      Estou entusiasmada com isso!! É bom saber q é possível aprender sem gastar tanto! ;)

      Excluir
  5. Oi Ryca,

    Bacana seu blog, só conheci hoje! Bom saber que tem outras mulheres aqui na Finansfera!

    Abs
    IFM

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados. Não falte com educação :)